sábado, 2 de abril de 2011

SHALOM!! DEUS ABENÇOE AQUELES QUE TEM UM CORAÇÃO HUMILDE E SABE RECONHECER SEUS ERROS!!!!

Evangelho (Lucas 18,9-14)
Sábado, 2 de Abril de 2011
3ª Semana da Quaresma

— O Senhor esteja convosco.
Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, 9Jesus contou esta parábola para alguns que confiavam na sua própria justiça e desprezavam os outros: 10“Dois homens subiram ao Templo para rezar: um era fariseu, o outro cobrador de impostos. 11O fariseu, de pé, rezava assim em seu íntimo: ‘Ó Deus, eu te agradeço porque não sou como os outros homens, ladrões, desonestos, adúlteros, nem como este cobrador de impostos. 12Eu jejuo duas vezes por semana, e dou o dízimo de toda a minha renda’.
13O cobrador de impostos, porém, ficou à distância, e nem se atrevia a levantar os olhos para o céu; mas batia no peito, dizendo: ‘Meu Deus, tem piedade de mim que sou pecador!’ 14Eu vos digo: este último voltou para casa justificado, o outro não. Pois quem se eleva será humilhado, e quem se humilha será elevado”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

BREVE COMENTÁRIO: Quantas vezes somos arrogantes e humilhamos aqueles que estão ao nosso lado para mostrar superioridade. E Jesus vem nos dizer que aquele que se humilha para levar aos outros a evangelização ou ainda que se doa para que cada irmãos tenha um pouco de paz e de amor;será elevado aos mais altos do céus!!! Amém!!

São Francisco de Paula
2 de Abril

São Francisco de Paula Nasceu na cidade de Paula, na Calábria, em 1416. Recebeu este nome devido a devoção de seus pais a São Francisco de Assis. Em sinal de gratidão a uma cura recebida por intercessão do santo, viveu um tempo num convento franciscano.

Amor a Deus e ao próximo marcaram sua história, e seu lema pessoal era a caridade.

Depois de sair do convento, foi em peregrinação com seus pais para Roma, e ali descobriu seu chamado à vida eremítica. Ficou na Itália, em uma região distante, dedicando-se à vida de oração e penitência. Um homem da caridade, em comunhão com as dores da humanidade e da Igreja.

Muitos descobriram sua santidade e iam até ele pedir conselhos. Alguns desses descobriam sua vocação e permaneciam. Com isso, Francisco de Paula fundou uma ordem eremítica (Ordem dos Mínimos), que tinha como lema a caridade.

São Francisco de Paula, rogai por nós!


Dinâmica: PINTANDO O OUTRO

Objetivo: Dinâmica de auto-conhecimento Conhecer-se e conhecer o outro - Maior integração do grupo - Despertar curiosidade e interesse pelo outro.


Participantes: Todos os presentes no encontro
Material: Tiras de papel, uma para cada participante, papel e caneta.

Descrição:

1. Distribuição de tiras de papel, pedindo que cada um escreva nela o seu nome;

2. Recolhê-los e colocá-los no meio da sala com o nome virado para baixo:

3. Pedir que alguém misture bem os papéis e, depois todos retiram um nome;

4. Pedir que todos se levantem e façam um passeio pela sala lendo os crachás dos presentes para reconhecer a pessoa que sorteou (permanecer em segredo);

5. Distribuir uma folha de papel ofício para cada participante;

6. Cada um desenha o rosto da pessoa sorteada;

7. Exposição de todos os desenhos na sala, na lousa...

8. Leitura dos “símbolos”:
a) o grupo deve identificar os desenhos com os participantes. É imagem do indivíduo perante o coletivo;

b) ver quem acertou. Explicação por parte do desenhista.

9. Tempo para colocações gerais sobre a dinâmica:

a) que conclusões podemos tirar desta dinâmica? Qual o objetivo dela?

b) o que senti ao realizar esta dinâmica?

c) como vi meu companheiro sorteado?

Nota: A revelação poderá, também, ser feita somente no final do encontro, montando um esquema de revelação.



O FILHO

Um homem muito rico e seu filho tinham grande paixão pelas artes. Tinham de tudo em sua coleção, desde Picasso até Rafael. Muito unidos, se sentavam juntos para admirar as grandes obras de arte. Por uma desgraça do destino, seu filho foi para guerra. Foi muito valente mas morreu na batalha, quando resgatava outro soldado.

O pai recebeu a notícia e sofreu profundamente a morte de seu único filho.

Um mês mais tarde, alguém bateu à sua porta...Era um jovem com uma grande tela em suas mãos e foi logo dizendo ao pai:
- O senhor não me conhece, mas eu sou o soldado por quem seu filho deu vida, ele salvou muitas vidas nesse dia e estava me levando a um lugar seguro quando uma bala lhe atravessou o peito, morrendo instantâneamente.

Ele falava muito do senhor e de seu amor pelas artes. O rapaz estendeu os braços para entregar a tela:
- Eu sei que não é muito, e eu também não sou um grande artista, mas sei também
que seu filho gostaria que o senhor recebesse isto...

O pai abriu a tela. Era um retrato de seu filho, pintado pelo jovem soldado. Ele olhou com profunda admiração a maneira com que o soldado havia capturado a personalidade de seu filho na pintura. O pai estava tão atraído pela expressão dos olhos de seu filho, que seus próprios olhos encheram-se de lágrimas. Ele agradeceu ao jovem soldado, e ofereceu- se para pagar-lhe pela pintura.

- Não, senhor, eu nunca poderei pagar o que seu filho fez por mim ! Essa pintura é um presente...

O pai colocou a tela à frente de suas grandes obras de arte, e a cada vez que alguém visitava sua casa, ele mostrava o retrato do filho, antes de mostrar sua famosa galeria.

O homem morreu alguns meses mais tarde e se anunciou um leilão de todas as suas obras de arte. Muita gente importante e influente chegou ao local, no dia e horário marcados, com grandes expectativas de comprar verdadeiras obras de arte. Em exposição estava o retrato do filho.

O leiloeiro bateu seu martelo para dar início ao leilão:

- Começaremos o leilão com o retrato "O FILHO". Quem oferece o primeiro lance ? Quanto oferecem por este quadro ?

Um grande silêncio... Então um grito do fundo da sala:
- Queremos ver as pinturas famosas !!! Esqueça-se desta !!!

O leiloeiro insistiu:
- Alguém oferece algo por essa pintura ? R$ 100,00 ? R$ 200,00 ?

Mais uma vez outra voz:
- Não viemos por esta pintura, viemos por Van Gogh, Picasso !!! Vamos às ofertas de verdade...

Mesmo assim o leiloeiro continuou:
- Quem leva "O FILHO" ?

Finalmente, uma voz:
- Eu dou R$ 10,00 pela pintura...

Era o velho jardineiro da casa. Sendo um homem muito Humilde era o único dinheiro que podia oferecer.
- Temos R$ 10,00 ! Quem dá R$ 20,00 ?" gritou o leiloeiro.

As pessoas já estavam irritadas, não queriam a pinturado filho, queriam as que realmente eram valiosas para sua coleção. Então o leiloeiro bateu o martelo:
- Dou-lhe uma, dou-lhe duas, vendido por R$ 10,00 !!!

- Agora, vamos começar com a coleção ! - Gritou um.

O leiloeiro soltou seu martelo e disse:
- Sinto muito damas e cavalheiros, mas o leilão chegou ao seu final.

- Mas, e as pinturas ? - Perguntaram os interessados.

- Eu sinto muito, - disse o leiloeiro, - quando me chamaram para fazer o leilão, havia um segredo estipulado no testamento do antigo dono. Não seria permitido revelar esse segredo até esse exato momento. Somente a pintura O FILHO seria leiloada; aquele que a comprasse, herdaria absolutamente todas as suas posses, inclusive as famosas pinturas.

O homem que comprou O FILHO fica com tudo !...

Reflexão: Deus entregou seu único e amado filho, para morrer por nós numa cruz há 2000 anos atrás. Assim, como o leiloeiro, a mensagem hoje é:


"QUEM AMA O FILHO TEM TUDO COM O PAI, E HERDARÁ SUAS RIQUEZAS"

Deus não mente, ele é perfeito. Sua palavra nos deixa os ensinamentos e as Promessas para quem O ama. Sua vida não é uma coincidência, é o reflexo do amor de Deus por ti...


OLHA O POVO DO 42ºCURSILHO JOVEM MASCULINO AI,GENTE!!! GRAÇAS E BENÇÃOS FORAM DERRAMADAS E TUDO OCORREU CONFORME AÇÃODO ESPÍRITO SANTO!!! AMÉM!!!

Um comentário:

  1. keep posting like this it’s really very good idea, you are awesome!

    cialis

    ResponderExcluir